Dicas

Manutenção Predial: Descubra a Importância da Reforma

Na construção civil, a obra não termina quando os técnicos responsáveis ​​pela obra entregam a obra ao cliente. Se os proprietários querem que sua construção ou reforma dure muito tempo e tenha qualidade, eles devem contar com a manutenção predial.

Este serviço é de grande importância para a prevenção de vários problemas que possam surgir no edifício ao longo dos anos e é realizado com a participação de vários especialistas.

Em condomínios e prédios de apartamentos, o síndico costuma ser o responsável pelo cronograma de manutenção. Em centros comerciais e industriais, é sempre importante verificar quem manda.

A manutenção predial significa maior segurança e qualidade de vida para todos que moram ou circulam no prédio.

E se prevenir é melhor do que remediar, nada mais justo que você saiba tudo sobre manutenção predial e como esse recurso prolonga a vida útil da estrutura. Confira!

Afinal, o que é manutenção predial?

A manutenção predial pode ser definida como um conjunto de atividades que visam melhorar a vida útil e o bom funcionamento da edificação, além de reduzir o risco de imprevistos e a necessidade de reparos. 

Essas ações incluem inspeções para prevenir e corrigir possíveis problemas em construção, alvenaria, pintura, revestimentos, elétrica e hidráulica, sistemas de gás, segurança contra incêndio, máquinas e equipamentos.

Este tipo de manutenção é realizada de acordo com a norma técnica ABNT NBR 16747, com o objetivo de prevenir e corrigir eventuais problemas em diversos aspectos;

  • Construções;
  • Alvenarias;
  • Revestimentos;
  •  Instalações elétricas;
  • Instalações hidráulicas;
  • Equipamentos de gás;
  • Segurança contra incêndio;
  • Máquinas e equipamentos.

Esse cronograma de manutenção abrange desde atividades como a necessidade de instalação de PABX até a verificação de elevadores e escadas rolantes.

Além de ser um serviço que ajuda a preservar e conservar um edifício, a manutenção predial é essencial para várias questões.

Por exemplo, reduz o risco de problemas graves como incêndios, falhas de segurança, problemas estruturais, deslizamentos de terra e outros problemas que podem ser causados ​​por obras inadequadas, muito antigas ou sem manutenção.

Ter um plano de manutenção predial significa ter informações atualizadas sobre a segurança e o bem-estar de todos os usuários e ocupantes presentes na edificação, seja ela residencial ou comercial.

Como o nome sugere, trata-se de manutenção, por isso precisa ser feita regularmente.

A periodicidade das inspeções deve ser especificada no plano de manutenção predial, até mesmo para instalar um gradil para muro, que é definido tanto pelo fiscal quanto pelo responsável pela obra, com o apoio e supervisão dos técnicos responsáveis ​​pelo projeto.

Cada serviço pode ter uma periodicidade diferente, que também precisa constar no plano de manutenção.

O registro dos dados da inspeção também é essencial como comprovação de que a manutenção foi realizada, pois em caso de acidentes e problemas futuros há a comprovação de que foram tomadas as providências necessárias.

Lei de Inspeção Predial

Mais do que redobrar os cuidados, é importante estar atento ao que determina a lei. A partir de maio de 2020, entrou em vigor a norma técnica ABNT NBR 16747 intitulada “Inspeção predial – diretrizes, conceito, terminologia e procedimento”.

Esta norma define como os laudos de vistoria predial devem ser elaborados por profissionais obrigatoriamente habilitados e cadastrados no CREA ou CAU. Cada estado brasileiro pode apresentar variações e requisitos diferentes por localidade. 

Portanto, antes de traçar um plano de manutenção, e conceder os devidos recursos fornecidos por atacadista de EPI em SP, ou qualquer outro estado, informe-se sobre o que está previsto em seu município.

Como a manutenção predial é implementada? 

Os sistemas de manutenção predial são implementados em vários aspectos e elementos que compõem a estrutura do edifício. Inclusive durante as reformas essa é uma questão muito importante. 

Seja em residência particular, ou em prédios comerciais que possuem administração e manutenção de elevadores prediais. Confira os principais exemplos de como manutenção predial é implementada:

Inspeção de sistemas de segurança residencial

Não só em edifícios, mas o sistema de manutenção também pode ser implementado em residências durante e até depois das reformas.

Isso significa que, ao instalar sistemas de manutenção de controle de segurança residencial, é possível controlar mesmo quando estiver fora de casa ou viajando.

O sistema pode avisar e fornecer informações detalhadas em caso de uma possível violação de espaço, garantindo assim maior segurança. Ao mesmo tempo, você pode notificar as autoridades policiais.

Isso já é uma realidade tecnológica em segurança e vários tipos de empresas, como empresa de limpeza zona leste que já estão produzindo esses tipos de sistemas.

Ajuste de iluminação

Os sistemas de manutenção predial também devem permitir controlar as luzes do prédio ou do próprio apartamento.

Nesse sentido, os residentes podem ajustar qualquer parâmetro de iluminação como intensidade, ativação e desativação com base na presença humana ou estação do ano, duração e tempo de ativação, é importante inclusive em reforma. 

Tudo isto em cada divisão separada e espaço exterior, ou no próprio apartamento, de acordo com as necessidades presentes.

Como exemplo prático, imagine poder desligar todas as luzes da casa de uma só vez com o apertar de um botão e ligá-las novamente quando você voltar. Ou ainda desligar e ligar apenas com o sensor de presença. Tudo isso através da instalação de controle de acesso predial.

O ponto-chave é que sempre as pessoas esquecem de fornecer esses recursos para sustentar as reformas prediais. No entanto, a iluminação evita até mesmo que haja erros na reforma, em um espaço menos iluminado, por exemplo. 

Limpeza adequada

A manutenção predial pode oferecer, entre outras coisas principais, uma limpeza adequada, afinal, todo e qualquer espaço precisa desse tipo de manutenção, principalmente durante uma reforma. 

Portanto, seja para limpeza de caixa dagua, ou limpeza de piso manchado por tintas ou outros agentes químicos durante a reforma, é preciso conceder esse tipo de manutenção para que não haja acúmulo de resíduos e dificulte a limpeza posterior. 

Controle de persianas 

A manutenção predial envolve sistemas inteligentes que se encarregam de controlar e ajustar os toldos, e persianas do prédio, levando em consideração uma série de fatores.

Isso significa que, neste sistema, fatores como chuva, vento e sol afetam as configurações dos sistemas inteligentes enquanto está ocorrendo uma reforma, por exemplo.

Importância da manutenção predial

A importância de uma manutenção predial está relacionada a várias questões, como por exemplo:

Planejamento e controle de custos

De acordo com a NBR 5674/1999, a manutenção predial deve ser incluída no planejamento dos condomínios estabelecidos pelas administradoras.

Resulta de uma inspeção técnica que analisa os parâmetros responsáveis ​​por garantir resultados satisfatórios no funcionamento das edificações.

A manutenção predial deve ser realizada por profissionais treinados e qualificados na área, que tenham experiência em controle de qualidade dos serviços e possam realizar análises.

É importante que todas as ações realizadas estejam contempladas no cronograma estabelecido pela administração do condomínio.

O administrador, ciente dos custos desta operação, deve assegurar-se de que dispõe de todos os documentos necessários para a manutenção. Isso é necessário para organizar os processos.

Com isso, ele pode fazer manutenções na hora certa e evitar gastos excessivos com problemas que poderiam ter sido resolvidos antes.

Preservação e apreciação

Quando a manutenção do edifício é feita em tempo hábil e com qualidade, até mesmo em reformas, ela não apenas evita futuras falhas estruturais, mas também salva o edifício em termos de valor patrimonial.

Um edifício bem cuidado inspira mais confiança aos interessados ​​neste edifício, proporciona aos residentes ou empresários uma melhor qualidade de vida e, consequentemente, atrai mais clientes.

Por outro lado, a falta de manutenção não só causa prejuízos financeiros, como também ameaça a qualidade de vida e a segurança de todos os seus clientes, parceiros e colaboradores.

Oferece segurança

A manutenção predial compreende um conjunto de atividades e serviços necessários para garantir plenas condições de conservação, segurança e fiabilidade dos edifícios, que verificam todos os pressupostos descritos no projeto.

Independente se é um projeto de instalação de escada metálica industrial ou instalação de equipamentos de automação, a manutenção predial garante segurança.

Isso significa que é muito importante garantir a qualidade do imóvel, além de garantir a segurança e o conforto dos usuários e contribuir para a produtividade profissional no ambiente empresarial.

Frequência para realizar a manutenção do edifício

A manutenção predial é essencial para o bom andamento da vida dos moradores ou empreendedores e para a saúde financeira das edificações. É difícil falar sobre a periodicidade correta, pois depende da situação em que cada condomínio se encontra.

O fato é que administradores e gerentes devem estar atentos às questões legais e planejar a programação dos itens que precisam passar por manutenção. Isso gera economia e aumenta o valor do local.

Existem serviços que requerem verificações diárias, outros requerem cuidados semanais, quinzenais, mensais, trimestrais, semestrais ou mesmo anuais. Porém, a periodicidade é definida no laudo de acordo com a norma estabelecida na NBR 5674.

Considerações finais

Como vimos até aqui, a manutenção predial é a prática responsável por cuidar do funcionamento de toda a infraestrutura de uma edificação, incluindo sistemas elétricos, hidráulicos, de segurança, incêndio, limpeza, etc.

Isso significa que a partir da manutenção é possível manter todos os serviços do prédio como se fossem novos, e também durante a reforma para que os resultados sejam melhores.
Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 1 =